quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Lembrar de você


Hoje acordei com você no meu pensamente e sendo bem honesta eu não fiz a minima questão de tentar suprimir as lembranças que estavam vindo com frequencia em minha mente. Todos os bons momentos que passamos juntos ficavam aparecendo em minha cabeça como slides em um computador. Aquilo me fazia sorrir com saudade de um tempo - que para mim - foi bom e não vai voltar.
Como sempre a voz em minha cabeça ficava me dizendo o tempo todo que eu não podia continuar me lembrando de você, que eu tinha que jogar as memórias no mar do esquecimento ou banhar-me no rio Lete - aquele rio que faz as pessoas se esquecerem das coisas na mitologia grega da qual eu falava muito - só para não ter lembramças suas e de uma vez por todas parar de ter dias como o de hoje em que eu fico lembrando de nós.
Gostaria que você entendesse que eu não tenho esperança nenhuma da gente voltar ou de algo acontecer entre nós de novo, porque foi bom e deu certo enquanto a gente ainda estava junto, mas agora tudo mudou e as coisas não dariam mais certo para nós dois, pois eu não sei você, mas eu mudei e acho que deixar algo acontecer entre nós de novo seria muito retrocesso de ambas as partes, entretanto, parece que a voz em minha cabeça não entende que lembrar da nossa história não é querer voltar para você.
Lembrar de nós é como quando você olha uma fotografia antiga de um tempo bom que não vai voltar e se sente bem em pensar naquele tempo. Lembrar de nós é como quando você lembra das brincadeiras da infância e um sorriso bobo automaticamente surge em seus lábios. Enfim, lembrar de nós é lembrar de um tempo em que eu fui feliz, mas que eu sei que não vai voltar.
Blog Widget by LinkWithin
Comentários
7 Comentários

7 comentários:

  1. Tão bom quando a gente para pra ler alguma coisa e se encontra no texto, você sem me conhecer me leu e traduziu rs




    http://amigavemk.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Thamires, fico muito feliz que você tenha se identificado com o texto. Realmente é muito bom quando a gente consegue descrever os sentimentos de outra pessoa com os nossos próprios sentimentos. É bom perceber que eu não sou a única que sente isso.
      Obrigada pelo comentário.
      Beijos

      Excluir
  2. Lindo... funciona muito pra mim... Adorei. Acho que eu precisava mesmo ler isso. Então, obrigada!

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Natália, primeiramente obrigada você por comentar e por gostar do meu texto. É muito bom saber que com as minhas palavras eu consigo ajudar as pessoas mesm só à organizar os pensamentos.
      Mais uma vez obrigada por comentar.
      Beijos

      Excluir
  3. Eu adoro ler e achei seu texto perfeito. Você escreve maneira excelente! http://carmemoliveiraa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carmem, adoro conhecer pessoas que gostam de ler, porque sei que elas terão alguma coisa para partilhar comigo e eu com ela. Fico feliz que você tenha gostado do meu texto.
      Obrigada pelo elogio e por comentar.
      Beijos

      Excluir
  4. Eu já me senti assim muitas vezes, as pessoas vem e vão na nossa vida, mas tem pessoas que fica claro que nunca mais retornam. Houve um tempo que desejei isso, mas hoje em dia eu apenas guardo as memórias boas. Muito inspirador o seu texto. Beijos

    http://recantodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Screepeer - 2015. Todos os direitos reservados.
Design Por: Jordânia Queiroz.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo