sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Palavras estúpidas




Talvez fosse seu sorriso ou seu olhar perdido, ela não sabe, ela não consegue entender o que aconteceu, ela só está perdida, está se afogando no  oceano turbulento das suas lembranças, e está assim já faz tanto tempo que isso a assusta, ela tentou sentir o mesmo por outras pessoas, ela fez de tudo para camuflar seu passado...Mas também sabe que não é tão simples.
E a todo instante ela volta, para aquela tarde ensolarada e tenta entender o porquê, o porquê de ter falado aquilo, da onde saíra palavras tão frias, ela acabará com os sentimentos dele, e não consegue entender o porquê.
Ela o amou como nunca havia amado ninguém, e talvez por capricho ou estupidez soltara palavras cruéis, e assim que virou a fechou a porta atrás de si, chorou, gemeu com a lembranças de suas palavras, pois naquele instante ela havia o perdido.
O amor deles era impossível, ambos viviam em mundos e defendiam ideias completamente diferentes, mas por algum motivo sentiam sensações tão estranhas um pelo outro, que os assustava e ao mesmo tempo os fazia sorrir.
Talvez ela estivesse errada em criar ilusões sobre o que ele sentia, mas era a única forma de conseguir sorrir, após palavras tão... Cruéis.
E por algum tempo, ela ainda tinha duvidas se havia o perdido, seu olhar estava nela, mas seu corpo estava distante, suas palavras ainda eram suaves, mas os suspiros, hesitações e cálculos, antes de qualquer uma a assustava mais ainda.
E no instante em que ela viu as mãos do único homem que ela amou em outra, seu mundo acabou, desabou feito uma enorme onda quebrando no mar.
Desde então, ela se tornou apenas uma casca sem objetivo, tentando criar ilusões por outras pessoas, vivendo um teatro constante, uma apresentação que nunca acaba, e ela tenta sorrir, mas nada mais é como era antes.
E seu maior medo, é ele ter sido o único, por quem ela realmente sentiu alguma coisa!
Blog Widget by LinkWithin
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© Screepeer - 2015. Todos os direitos reservados.
Design Por: Jordânia Queiroz.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo